CRM-PR e sociedades de especialidade lançam campanha de conscientização para manter acompanhamento das doenças crônicas

Preocupação das entidades é com o aumento no número de ocorrências graves relacionadas a doenças crônicas e a baixa procura pelos serviços de emergência em função da pandemia.

O Conselho Regional de Medicina do Paraná lançou, em parceria com as sociedades de especialidade do Estado, a primeira fase da campanha “Só saia de casa pela sua saúde”. A ação tem por objetivo conscientizar médicos e a população sobre a importância da continuidade do tratamento e acompanhamento de doenças crônicas, assim como de buscar atendimento em caso de emergência.

De acordo com o CRM-PR, o medo de contaminação pelo novo coronavírus está levando os pacientes a deixarem de procurar auxílio para outras doenças, mas elas continuam ocorrendo da mesma forma que antes da pandemia e colocando vidas em risco. “Nosso intuito é chamar a atenção para isso, conclamando aos médicos para que orientem seus pacientes e aos pacientes para que fiquem atentos aos sintomas, pois em algumas situações o risco de exposição à Covid-19 é menor que a falta de atendimento e esse custo-benefício pode ser avaliado entre médico e paciente”, explica o presidente do CRM-PR, Roberto Yosida.

Em 21 de maio, o Conselho promoveu reunião com as sociedades de especialidades do estado para conhecer a realidade e necessidades de cada uma durante a pandemia, de forma que fosse elaborada campanha conjunta de alerta aos problemas de saúde relacionados. Participaram, via webconferência, representantes das Sociedades Paranaenses de Pediatria, Obstetrícia e Ginecologia, Medicina de Tráfego, Endocrinologia e Metabologia, Urologia, Dermatologia, Cardiologia, Geriatria e Gerontologia e Genética Médica. Ao todo, 45 representantes de Sociedades foram convidados a participar da reunião.

A ação inicia em parceria com a Sociedade Paranaense de Cardiologia, que destaca que, segundo o DataSUS, 33% das mortes que ocorrem todos os anos no país são relacionadas a doenças cardio ou cerebrovasculares. “Preocupa-nos que esse índice seja ainda maior em 2020 devido ao fato de os pacientes estarem deixando de buscar socorro em casos de emergência, que poderiam ser tratados e solucionados se identificados a tempo”, ressalta o presidente da SPC, Raul D’Aurea Mora Junior.

O campanha “Só saia de casa pela sua saúde” se estende a todas as especialidades médicas e aquelas que tiverem interesse em aderir, expondo suas preocupações e alertas aos médicos e pacientes, podem entrar em contato com o CRM-PR pelos e-mails:  comunicacao@crmpr.org.br ou imprensa@crmpr.org.br.

Fonte: Portal CRM Paraná

Share on whatsapp
Compartilhe