Paraná tem a 5ª maior população idosa do país: 1,7 milhão de pessoas

Em 2019, o número de idosos no mundo era de 703 milhões. A expectativa é que em 2050, uma a cada seis pessoas tenha mais de 65 anos. O sul do Brasil é a região com a população mais envelhecida e o Paraná é o Estado com a quinta maior população idosa do país, com um contingente de 1,7 milhão de pessoas, o que corresponde a 15% da população geral.

Pioneirismo – No Paraná, o projeto-piloto de atenção ao idoso, iniciado no segundo semestre do ano passado no município de Irati, vem elaborando uma política intersetorial para que seja possível promover um envelhecimento com maior qualidade no Estado. Coordenado pela Sesa- Secretaria de Estado da Saúde, com a participação do Conselho Nacional de Secretários de Estaduais de Saúde (Conass), em conjunto com o Hospital Israelita Albert Einstein, de São Paulo, o PlanificaSus prevê a integração das ações da atenção primária e atenção especializada e envolve os nove municípios da região.

Para intensificar o projeto de atenção à saúde do idoso, de forma transversal, envolvendo o conceito da rede de atenção e linhas de cuidado da Sesa, de forma multidisciplinar, o Paraná abriu a discussão ainda no ano passado com o I Seminário Envelhecer com Saúde. Mais de 200 profissionais estiveram no evento, que traçou especialmente as futuras diretrizes para ampliar os serviços e romper alguns paradigmas na temática do envelhecimento.

“O envelhecimento está associado com uma série de mudanças e questões que afetam principalmente a saúde. Então, temos que estar preparados para oferecer a esses idosos um envelhecimento digno, um envelhecimento ativo”, destacou o consultor técnico Edgar Nunes de Moraes, do Conass, durante reunião na Sesa, no início de janeiro. O encontro foi para alinhar as futuras  ações e a necessidade de implementação de uma política intersetorial de promoção ao envelhecimento saudável a partir deste ano, expandindo a experiência para outras regiões do Estado.

Segundo a diretora de Atenção e Vigilância à Saúde, Maria Goretti David Lopes, o Paraná vem trabalhando efetivamente no processo de construção de ações voltadas para o envelhecimento de forma integrada. “A saúde do idoso é um tema transversal na Sesa. Todos os profissionais de saúde devem estar envolvidos, seguindo a orientação do governo e o objetivo é capacitar todas as equipes do Estado e dos municípios, é cuidar do idoso de forma plena”.

Fonte: Portal SESA, janeiro 2020

Share on whatsapp
Compartilhe